TRILHOS

A série trilhos foi produzida em uma noite.

Sua intenção é tocar um local de silencio interior onde também se toca a força pessoal.

Acreditando na arte como uma das fontes de comunicação, acesso e reconexão com a alma e acreditando ser a alma ferramente necessária para desenvolvimento interno e externo do ser e de seu entorno.

A delicadeza canalizada traz a intensidade psicótica dos ventos e dos questionamentos.

Defende o modo de vida autônomo e o pensamento livre, colocando-os como alicerces de uma sociedade saudável e estruturada.

As pinceladas procuram registar o sentimento e a expressão, pra além da necessidade de seguir ou buscar pela forma realista. Ela permite o sonho e a identificação se dá na sensibilidade e não na concretude.

Nessa série busquei dar mais força aos elementos, tendo ainda a delicadeza como alicerce.

Foi usada diluições de nanquim para trazer seus movimentos mais utópicos e fluídos.

A mesma tinta, em sua forma sólida. para dar a precisão firme, rochosa e texturizadas.